Outrora considerado apenas um jogo de cartas, o poker se transformou ao longo do tempo e é considerado no mundo todo, desde 2010, um dos cinco esportes da mente, ganhando credibilidade como uma atividade que vai além do mero entretenimento. Tal reconhecimento se deve por suas complexidades estratégicas e pela habilidade necessária para dominá-lo.

Não à toa, o jogo vem ultrapassando barreiras e transcendendo o universo dos cassinos. Para se ter ideia, grandes empresários, atletas e personalidades de diferentes ramos utilizam a modalidade como mecanismo de desenvolvimento de algumas habilidades fundamentais, como a concentração, foco e disciplina, auxiliando em situações importantes de suas carreiras.

Vale destacar ainda que se trata de um esporte de fácil acesso e compreensão. Além de terem disponíveis partidas online na palma de suas mãos navegando pelas principais plataformas de games da atualidade, as pessoas podem aprender as regras do poker e suas variações rapidamente, através da prática de jogo e da leitura de manuais didáticos.

Mas, afinal, com tantos benefícios ao desenvolvimento mental, cognitivo e social, como de fato o poker pode contribuir para aprimorar os estudos?

Ajuda na tomada de decisões estratégicas

Mais do que tudo, o poker é em essência um jogo de constantes tomadas de decisões, exigindo que os jogadores avaliem riscos, analisem informações limitadas e ajam com base nessas avaliações. Na prática, muitas vezes o participante tem poucos segundos para decidir fazer uma jogada ousada, aceitar um desafio, aumentar sua aposta ou se retirar da rodada, de acordo com as cartas já reveladas na mesa e em suas próprias mãos.

Essa habilidade estratégica tem paralelos diretos nos estudos, onde a capacidade de avaliar opções e escolher o melhor curso de ação é crucial. Jogadores habilidosos de poker são capazes de ponderar as consequências de suas atitudes e essa é uma aptidão valiosa que pode ser transferida para situações acadêmicas e profissionais, seja na hora de escolher uma carreira, organizar materiais ou simplesmente exercitar a mente para absorver conteúdos.

Melhora o controle emocional

Outra característica central do poker é a sua natureza emocionalmente desafiadora. Jogadores precisam lidar com vitórias e derrotas, mantendo a calma e tomando decisões racionais mesmo sob pressão. Esse controle emocional é vital em ambientes acadêmicos, onde o estresse e a pressão são inevitáveis. A capacidade de manter a compostura em situações adversas pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso nos estudos.

Desenvolve habilidades matemáticas e pensamento lógico

hal gatewood OgvqXGL7XO4 unsplash

Indo mais a fundo numa disciplina específica, o poker é um jogo intrinsecamente ligado às habilidades de resoluções matemáticas, já que envolve constantes avaliações de probabilidades e estatísticas para as tomadas de decisões. Dessa forma, os jogadores precisam calcular rapidamente as chances de obter uma determinada carta, melhorar sua mão ou vencer uma rodada, ajudando a desenvolver a capacidade de alcançar resultados e estimativas mais precisas.

Também é uma importante ferramenta para melhorar o pensamento lógico e estratégico. Afinal, em cada rodada os participantes precisam antecipar os movimentos dos oponentes, planejar suas próprias estratégias e ajustar seu jogo. Pode-se dizer que o ambiente do poker é dinâmico e aqueles que conseguem se adaptar e raciocinar com agilidade se sobressaem.

Facilita a leitura de situações e pessoas

Outra habilidade essencial no poker é a capacidade de ler as situações e as expressões dos oponentes. Nas mesas de feltro, saber decifrar quando um adversário está em apuros, inseguro, blefando, com uma ótima mão ou simplesmente fazendo um jogo mental acaba sendo uma vantagem e tanto para derrotá-lo.

Essa aptidão se traduz diretamente na vida cotidiana, nos estudos e nos negócios, onde a compreensão de contextos e a leitura de outras pessoas podem ser cruciais. A empatia e a habilidade de interpretar sinais não verbais tornam-se habilidades valiosas para entender professores, colegas, chefes, investidores e demais personagens que cercam a vida profissional de qualquer indivíduo.

Maximiza a paciência, concentração e memória

O poker ensina aos jogadores a importância de múltiplas habilidades mentais, como a paciência, concentração, memória, dentre outros. Em primeiro lugar, trata-se de um jogo no qual os resultados podem não ser imediatos, logo saber esperar pelas oportunidades certas é vital para o sucesso.

Mais do que isso, partidas desse esporte podem ser longas e geram diversas distrações na mesa e no seu entorno. Por isso, é fundamental manter-se concentrado em cada ação, estar ligado e não perder o foco. Além disso, com tantas cartas e números em disputa, memorizar todas essas informações é um grande desafio para os jogadores. Quem consegue aprimorar todas essas habilidades terá sucesso no jogo, nos estudos e na vida.