Entenda a diferença entre os carros populares 1.0 e 1.4

Entenda-diferença-entre-carros-populares

Se você se interessa por carros ou se tem um, já sabe que os veículos costumam ter, acompanhados de suas nomenclaturas, os números 1.0, 1.2, 1.4, 1.6, 2.0 e outros.

A maior parte das pessoas sabe que essa numeração tem relação com o motor, mas nem todo mundo sabe o que significa exatamente.

Os números 1.0, 1.4, 2.0 e outros, quando se tratam de veículos, indicam as cilindradas do motor.

Também é comum ouvir falarem que o carro é mil. Quem não lembra do Gol 1000 ou do Uno 1000, considerados os melhores carros populares durante muito tempo?

Quando falamos nessa numeração, estamos falando sobre a mesma coisa.

Um carro 1000 tem 1000 cilindradas, ou seja, é um carro 1.0.

Quanto menor a cilindrada, menor a potência e maior a economia de combustível (quase sempre).

Motores 1.0 estão diferentes

Os carros mais antigos com motor 1.0 possuíam 4 cilindros no motor. Os novos modelos contam com apenas 3, na sua grande maioria.

Essa mudança fez com que os carros 1.0 ficassem até 20% menos poluentes e ganhassem mais força, além de um ronco mais grave.

Como saber qual a melhor opção?

Para quem passa mais tempo dirigindo na cidade, o carro 1.0 pode ser a melhor escolha já que o consumo de combustível entre frenagens, estacionamentos e trocas de marcha é maior.

Além disso, para andar sozinho, no trânsito urbano, potência não é a maior necessidade.

Para quem dirige em cidades com relevo mais evidente, o carro 1.4 pode ajudar a realizar subidas com mais segurança.

Para quem viaja bastante ou percorre percursos maiores diariamente, o 1.4 também entrega mais estabilidade e potência, com pouca diferença quando o assunto é consumo.

Ar Condicionado Impacta na Potência do Motor

Se o carro é 1.0, anda com mais de duas pessoas no interior e está em uma subida íngreme, é bem possível que seja necessário desligar o ar-condicionado pra não sentir o carro “sofrendo”.

De fato, o ar condicionado necessita da força do motor para deixar o veículo refrigerado e é necessário ter isso em mente na hora de fazer uma compra.

Se o veículo será muito utilizado durante o dia, em cidades quentes e com subidas íngremes, a melhor escolha pode ser um carro 1.4, para não correr o risco de sentir a falta de potência em um dia de calor, com passageiros no carro e acabar se aborrecendo com buzinadas em uma subida.

Qual a diferença de preço do carro 1.0 para o 1.4?

Quando o assunto é preço de compra, um veículo 1.0 ou 1.4 não tem tanta diferença quando falamos de veículos da mesma montadora.

Embora os modelos 1.0 sejam mais baratos, as versões 1.4 costumam vir com mais alguns opcionais que acabam aumentando o valor agregado.

Depreciação

Segundo um estudo da KBB, há diferença na depreciação de veículos 1.0 e 1.4 após um ano da compra.

Se o seu plano é trocar de carro anualmente ou com certa frequência, é bom você saber que os veículos 1.4 sofrem mais depreciação do que os autos 1.0.

Em percentuais, o 1.4 deprecia cerca de 11,5% e o 1.0, algo em torno de 10,2%.

Conclusão

A escolha por um carro 1.0 ou 1.4 depende muito mais do perfil e estilo de vida do motorista do que da qualidade de um motor ou outro.

Qual dos tipos de veículos se adaptaria melhor à sua rotina?

Leia também: cresce o mercado de transporte de veículos no Brasil.